Enterprise Resource Planning - ERP
Organizador GEDAF Nenhum comentário

Em 2014, o IDG Research Services publicou estudo pioneiro sobre o desempenho de empresas de médio porte na América do Norte e Europa que utilizavam Sistema Integrado de Gestão, denominado pela sigla em inglês ERP (Enterprise Resource Planning).

Softwares de ERP permitem que várias operações usuais do negócio sejam realizadas por meio de uma plataforma única e integrada. Operações rotineiras como, por exemplo, fluxo de caixa, controle de estoques, gestão de pessoal, e vendas, passam a ser executadas de forma mais rápida e eficiente. O ERP oferece a visão global e em tempo real dos dados da empresa, soluções de melhorias, como redução de perdas, por exemplo.

A pesquisa do IDG avaliou como o investimento em soluções de ERP pode influenciar nos resultados de uma empresa, analisando quatro atributos de manipulação de informações.

Participaram da pesquisa 300 empresas de médio porte, com 100 a 500 funcionários registrados. Os responsáveis que forneceram os dados são funcionários qualificados em funções gerenciais de nível sênior (diretor ou títulos superiores), TI ou administrativa (contabilidade, compras, vendas, marketing, gestão de estoques / armazéns, manufatura). A amostragem adotada garantiu o mínimo de 50% das respostas oriundas das áreas de processos de fabricação, distribuição e serviços.

Atributos avaliados

Na pesquisa, foram selecionados os seguintes atributos com maior impacto em vários resultados do negócio, avaliados em uma escala de 0 a dez:

  • Acessibilidade: impacto direto e positivo na inovação e penetração no mercado.
  • Usabilidade: impacto direto e positivo no tempo gasto em tarefas improdutivas, recursos e otimização para melhorar as vendas e operar no exterior.
  • Qualidade: impacto direto e positivo na entrega de qualidade consistente aos clientes, conformidade, avaliação de risco e relatórios oportunos / precisos.
  • Inteligência: impacto direto e positivo no crescimento da receita e rentabilidade, tempo de resposta ao mercado, mobilização de vendas, precisão de planejamento / previsão e oportunidades de vender mais (upsell).

Os valores médios determinados para o grupo de empresas analisadas foram os seguintes: acessibilidade 6.6, usabilidade 6.7, qualidade 7.3 e inteligência 6.9.

Conclusões do Estudo

O estudo validou a hipótese de que melhorias na acessibilidade, usabilidade, qualidade e inteligência dos dados têm impacto direto e positivo nos resultados críticos do negócio. Existe algum grau de interdependência entre os quatro atributos, ou seja, estão correlacionados de forma positiva.

As empresas que implantaram o ERP e se destacaram por seu melhor desempenho quanto aos atributos analisados, obtiveram até 35% de crescimento anual e aumentaram sua produtividade em até 10%, entre outros benefícios.

  • Empresas com dados mais eficazes crescem 35% mais rapidamente.
  • Apenas 40% das empresas avaliam sua capacidade de processar as demandas do cliente de forma ágil.
  • Dados mais inteligentes significam maior receita – uma melhoria de 20% resulta em acréscimo médio de US$ 9.216, cerca de R$ 34 mil, por empregado.
  • Empresas com melhor inteligência no negócio são 2,2% mais lucrativas e têm 4 vezes mais chances de otimizar os níveis de estoque.
  • Empresas com melhor qualidade de dados realizam mais entregas consistentes aos clientes, incremento na ordem de 9% .
  • Empresas com dados mais utilizáveis nas suas operações aumentam a produtividade em 10% . Isso ocorre porque os funcionários dispendem, em média, 10% menos tempo em tarefas improdutivas.
  • Empresas com acesso móvel a dados aumentam as vendas de novos produtos em 5% e vendem 3% a mais para novos clientes.
  • Empresas de sucesso têm 4 vezes mais chances de processar pedidos remotamente.

As empresas no terço superior das pontuações gerais dos atributos de dados foram classificadas no subgrupo com maior desempenho. Essas empresas obtiveram ganhos de receita e lucratividade em novos negócios, melhor qualidade de dados e aumento de eficiência. Esse fato deveria ser observado por todas as empresas que buscam melhorar seu desempenho no cenário competitivo.

A pesquisa evidenciou que há grandes oportunidades para melhoria do desempenho empresarial, visto que as médias gerais dos atributos estão entre 6.6 e 7.3. O retorno do investimento (ROI) para empresas que utilizam sistemas ERP maximiza os atributos analisados de forma significativa, gerando impactos positivos nos resultados do negócio.

Apesar de ter sido publicado em 2014, o estudo permanece válido e pode ser aplicado à realidade brasileira. A gestão adequada do fluxo de caixa, estoques, clientes e fornecedores continua sendo um grande desafio para muitos empreendedores. Implantar sistemas de gestão empresariais é essencial para se manter competitivo no mercado.

Referência

KING, Janet; MCKEAN, Jen; LABERIS, Perry. The impact of data effectiveness on business outcomes. IDG Research Services. Sage Software: Londres, fev. 2014. Acesso em 06/02/2019.

Deixe um comentário